Trade Marketing

Trade Marketing: 4 dicas para aumentar as vendas

Vamos falar sobre Trade Marketing, sua importância e como aumentar as vendas da sua empresa a partir deste método essencial para o setor produtivo e para o varejo.

O mundo está em constante transformação (ainda bem!). E quando falamos de mudanças, podemos citar ideais, comportamentos e costumes, que evoluíram durante o tempo. Acompanhando tudo isso, o setor produtivo também precisou se adaptar e melhorar sua forma de trabalhar, os processos, as vendas, a maneira de vender e como chegar no consumidor, que é a ponta final da cadeia produtiva.

Felizmente, hoje as empresas têm uma mentalidade cada vez mais moderna, sem perder a humanidade, afinal, máquinas e processos nunca deverão ser separadas de pessoas. Atualmente, os empreendedores já entenderam que o sucesso de suas marcas junto ao seu público-alvo depende de estratégias inteligentes.

E aqui estamos falando de pequenas, médias e grandes corporações, em todos os setores da economia:

– Primário (extração de matéria-prima): agricultura, mineração, pesca e silvicultura, pecuária, extrativismo vegetal, caça e obtenção de outros produtos.

– Secundário (a indústria): setor que transforma a matéria-prima em produtos prontos para o consumo. Existem indústrias que purificam, processam e embalam a matéria prima, ou até mesmo aquelas que fornecem água, gás e eletricidade.

– Terciário (serviços e bens materiais): o setor do comércio e da prestação de serviços, da venda de benefícios como educação, saúde, segurança, transporte, serviços bancários e turísticos, telecomunicações, softwares, pesquisa e desenvolvimento etc.

Em todos os setores da economia, o Trade Marketing atua como um grande aliado para as três pontas do setor produtivo: fabricante, distribuidor e consumidor. Você já deve ter ouvido falar, mas você sabe o que é, de fato, Trade Marketing?

O que é esse tal de Trade Marketing?

O Trade Marketing pode ser definido como um conjunto de estratégias de promoção e venda de produtos que busca não apenas a venda e a satisfação do consumidor final, mas também do fabricante e distribuidor, criando uma boa impressão e um relacionamento de confiança entre as três partes.

A relação entre fabricante e distribuidor mudou radicalmente nos últimos tempos. Podemos citar como exemplo uma indústria têxtil, que fabrica roupas femininas, e uma loja que revende esses produtos. Em outros tempos, a fábrica simplesmente entregava o produto ao lojista. O contato entre as duas partes era feito pelo setor comercial, e após a entrega da encomenda, cada um seguia para um lado.

Hoje, felizmente, isso mudou. Os fabricantes estão investindo mais no relacionamento, atendimento e suporte aos seus distribuidores. As indústrias contam com representantes, que visitam os lojistas, oferecem também material de apoio às vendas, treinamento, acompanhamento, consultoria, etc. Isso faz parte da prática do Trade Marketing, e acaba sendo percebido pelo consumidor final.

 O Trade Marketing cria um “elo” entre o fabricante e o distribuidor, o que acaba facilitando o acesso do consumidor final aos produtos, aumentando assim os lucros das indústrias e também dos lojistas.

Trade Marketing

4 dicas para aumentar as vendas com Trade Marketing

Antes de criar e colocar em prática as estratégias de vendas, você precisa estar seguro de que seus produtos estão corretamente precificados, dentro do seu planejamento e dentro da média do mercado, caso contrário, você perderá em competitividade. Além disso, o fabricante precisa ter a certeza de que seus produtos estejam expostos, à disposição do consumidor.

Uma vez que você se certificou que seu produto está bem exposto na prateleira, gôndola, cabide, etc, assim como tem boa quantidade no estoque para reposição e o preço está adequado, você pode pensar em estratégias para aumentar suas vendas. Confira abaixo 4 dicas valiosas:

1. Planejamento conjunto

sabendo que a principal característica do Trade Marketing é a união de forças do fabricante com o distribuidor, não tem como pensar num planejamento individual. 

O lojista precisa conhecer o volume de vendas da indústria, a área de atuação, o público-alvo, entre outros pontos que podem influenciar nas vendas. 

Assim como,  a indústria precisa avaliar a categoria de cada ponto de venda e elaborar estratégias que combinem com as personas dos clientes em cada região.

E ainda, a área de Marketing e Vendas da empresa precisam ser integradas e ter uma comunicação fluida para que todas as decisões sejam tomadas de maneira assertiva e as campanhas alcancem sucesso.

2. Promotores em ação

você já deve ter sido impactado, dentro de um mercado, por exemplo, por uma ação de promotores de determinada marca, como uma degustação ou amostra de algum produto. 

Ações como essas fazem com que o consumidor conheça o produto e a marca, e decida por ele mesmo se vai ou não fazer a aquisição. Para que essas açõe sejam bem sucedidas é preciso treinar e preparar os promotores para agirem como mais que vendedores, mas embaixadores da marca. 

Pode ser que ali, naquele exato momento, a compra não seja efetivada, mas com certeza o produto e a marca vão ficar na cabeça do consumidor, bem como o atendimento e cortesia dos promotores envolvidos na ação.

3. Abordagem diversificada

o PDV (Ponto de Vendas) é, sem dúvida, importantíssimo para o sucesso do Trade Marketing. O espaço precisa estar limpo, organizado, e os produtos de fácil alcance, com todas as informações bem destacadas, bem como os valores. 

Mas a promoção dos seus produtos não deve se limitar às gôndolas. Para estreitar o relacionamento com seus consumidores é essencial investir nos meios digitais, através de um site próprio, redes sociais, Google, entre outras mídias.

A união das duas estratégias, off-line e on-line, é que vai garantir que a sua marca não saia da mente do consumidor e os resultados em vendas comecem a crescer.

4. Use a Tecnologia a seu favor

chegamos ao último fator para que você aumente suas vendas, mas com certeza, não menos importante. A tecnologia tem muito a nos oferecer. Por que não usar? Plataformas e aplicativos de automação de vendas, como o Landix Flex tornam o trabalho da força de vendas muito mais ágil e prático, reduzindo falhas e aumentando lucros.

Usando soluções tecnológicas, a equipe de vendas pode atualizar dados de preços, estoque, tempo de saída de produtos, entre outras informações, através de um smartphone ou tablet, por exemplo. Com dados e métricas em mãos, fica muito mais fácil criar promoções, descontos, entre outras táticas de vendas, além de melhorar a análise de resultados.

Para fazer com que as ações de Trade Marketing tenham mais sucesso, uma plataforma de gestão dos promotores de vendas também pode aumentar a eficiência da equipe. Com o cadastro das atividades e o acompanhamento de execução das mesmas, a equipe de Trade pode atingir as metas de maneira mais rápida e assertiva.

Uma plataforma de gestão de promotores de vendas, como o Dexer da Landix, te permite não só acompanhar a execução das tarefas, como organizar dados e fotos dos PDV e gerar relatórios de produtividade e resultados.

É isso! Esperamos que você tenha entendido o que é Trade Marketing, sua importância e como aumentar suas vendas a partir desta prática. Siga essas dicas e veja o crescimento do seu negócio, seja você fabricante ou distribuidor.

Quer conhecer as soluções tecnológicas da Landix? Entre já em contato pelo formulário abaixo.

transformação digital

CATEGORIAS

Qual assunto você busca?

MATERIAIS GRÁTIS

Aumente seus resultados e alavanque a produtividade da sua Equipe de Vendas.
Faça o download gratuitamente!